qua., 11 de ago. | Evento Online

Pacote Combo CE/9 Etapas AGOSTO/2021

Comprando esse pacote você acessa as gravações e conteúdos gravados no zoom. Nas gravações não fazemos a cura energética, apenas as explicações, conteúdos tétricos e e a Cura energética dos movimentos
O registro está fechado
Pacote Combo CE/9 Etapas AGOSTO/2021

Horário e local

11 de ago. 07:00 – 01 de nov. 11:00
Evento Online

Sobre o evento

Esse pacote é o Combo que inclui os seguintes atendimentos e aulas:

Os atendimentos de Cura Energética que sempre acontecem pelo zoom as quartas feiras das 07h00 as 10h00, das 19:00 as 21:00 e quinta feira das 07h00 as 8h30. 

E as reuniões das etapas são a continuação das primeiras 9 etapas, portanto nesse pacote iremos seguir da 19ª etapa até a 27ª etapa.

As reuniões desse pacote acontecem pelo zoom sempre das 10H00 as 12H00 aos Sábados.

Neste Pacote Vamos abordar com a Cura Energética os seguintes temas:

Cura Energética do Subconsciente

Quanto mais nos expomos a uma determinada informação, mais ampliamos a capacidade de retê-la na memória e assim automatizá-la. Ou seja, torná-la tão acessível que nem precisaremos mais usar o esforço deliberado de atenção sobre ela. Um bom motorista é aquele que automatizou a maior quantidade de movimentos precisos (e bons hábitos) no trânsito. Por isso nas auto-escolas se ensina a “direção defensiva”, preparando o futuro motorista para situações em que sua atenção deve estar muito além do que deve executar para simplesmente pôr o carro em movimento. O bom motorista é aquele que não precisa pensar pra colocar o cinto de segurança, pois quando percebe, já o fez automaticamente…

Portanto, nosso subconsciente armazena uma série de informações e as torna automáticas, conforme nós estimulamos nosso cérebro com elas! Você já deve ter notado a essa altura do texto que os maus hábitos se formam justamente assim, pela via da repetição! Os vícios, alguns tipos de medo e até as obsessões de mais variados tipos têm isso em comum: um pouco do mesmo todos os dias. Então o que fazer diante disso? Nosso CÉREBRO de fato se assemelha muito a um COMPUTADOR, e sabemos que a manutenção do equipamento pode melhorar sua performance, até mesmo salvá-lo de uma pane.

É necessário “deletar” aqueles arquivos que só ocupam espaço (diminuir e retirar o foco sobre certos pensamentos e emoções); fazer a atualização de programas (ressignificar e olhar com mais recursos para nossos problemas e memórias conflitantes); limpar a memória cache (prestarmos atenção e limparmos alguns conteúdos trazidos pelo “falatório interno”, limpar a negatividade emocional); verificar como está o uso da memória RAM a fim de aumentar a performance do computador (percebermos o que estamos “carregando” diariamente em nossos pensamentos, seguirmos em frente nos melhorando a cada dia); e inserirmos bons programas (pensamentos fortalecedores, boa alimentação, exercícios físicos, meditação, etc). Ou seja, uma boa manutenção (profilaxia mental). 

A forma como o acaso e o subconsciente influenciam a tomada de decisões foi abordada pelo físico norte-americano Leonard Mlodinow, na plenária da tarde do 1º Fórum de Inovação. O cientista, que também é autor do filme Star Trek − The Next Generation e do seriado MacGyver, e dos livros "Subliminar - Como o Inconsciente influencia nossas vidas" e "O Andar do Bêbado", explicou que o pensamento consciente toma menos capacidade do nosso cérebro do que o inconsciente e, por isso, tem grande peso, mesmo que de forma imperceptível.

A Cura Energética do Subconsciente trabalha liberando nossos arquivos e abrindo espaço para o novo em nossas vidas.

Cura Energética do Apego 

O apego é onde alguém tem pouco ou controle zero sobre fazer, tomar ou usar algo a um ponto potencialmente nocivo. Os apegos os mais comuns são aquele das drogas, álcool, nicotina e nos relacionamentos. 

Contudo, o apego pode igualmente ser relacionado ao jogo, ao trabalho, Internet/dispositivos, aos solventes, à compra, ao sexo entre outras coisas.  Os apegos podem ter efeitos devastadores na saúde, nas finanças, e nos relacionamentos de uma pessoa.

Geralmente, os apegos começam devido às mudanças do neurochemical afetando a maneira que você sente fisicamente e psicològica - frequentemente conduzindo aos sentimentos da recompensa e do prazer.

A Cura Energética do Apego ativa o perfeito funcionamento da área septo-hipotalâmica, que tem papel mais específico nos mecanismos sociais, de apego. Em camundongos, se você danificar essa região, a mãe não cuida mais da cria. 

Atua no cérebro etérico regulando a produção de dopamina conectada as tendências de padrões que carregamos de outras vidas para a cura nesta. 

Mas existe um outro tipo de apego que surge dos nossos hábitos de educação. 

O sofrimento provém do apego, essa é a informação que a gente ouve. Por causa do apego é que nós entramos em sofrimento. Isso é bem verdade, em geral sofremos pelas coisas nas quais colocamos nosso coração, aí estará a possibilidade de nosso sofrimento. Nenhuma das coisas do mundo é permanente, sólida ou estável, tudo está sempre mudando e iremos perder as coisas que julgamos preciosas. Perderemos os amores, as pessoas, o crédito, a fortuna e a fama. As coisas surgem e desaparecem. Porque nos agarramos à elas e nelas colocamos nosso coração, então sofremos pelas perdas. 

Temos muita dificuldade de nos libertarmos desse tipo de sofrimento porque sempre fomos ensinados desde pequenos a chamar as coisas de “meu” e “minha”. Primeiro aprendemos que temos um “eu”. Logo depois aprendemos o “é meu”. Como agregamos essas coisas ao nosso “eu”, quando elas partem, sofremos. Quanto mais memória você guardar disso, mais sofrimento terá. 

porque havia apego, houve sofrimento. Como houve intenção, isso criou um carma e esse carma ainda vive depois de tantos anos. 

Na cura energética do Apego trabalhamos a liberação dessas memórias emocionais de apego através das liberações das validações que criamos para o apego.

Cura Energética das Aversões 

Buda ensinou: “sofremos por apego, por aversão e por ignorância”. Nós sofremos também quando sentimos aversão. Aversão a pessoas, coisas, alimentos, enfim, todas as coisas. Desenvolvemos preferências e dizemos: “eu gosto disso”, “não gosto daquilo” e dessa forma criamos sofrimento.

Por causa disso, nos monastérios, quando se servem os alimentos, são servidos alimentos diferentes e você não pode recusar, não pode deixar de comer nenhum deles. 

O que acontece é que você tem que sentar, receber a comida e comer sem julgamentos de “eu gosto, eu não gosto”. Depois de repetir a mesma comida por dez refeições, você acaba gostando, acaba descobrindo sabores que não conhecia, mas para isso o julgamento “gosto”, “não gosto” tem que cessar. Esse treinamento é feito para superar o sentimento de aversão. O ensinamento é “Sente-se com seu desconforto”. As opções são: ou você vai embora ou fica e resolve a questão. 

Para o budismo, o sofrimento está ligado aos três venenos-raiz da mente: lobha (desejo, apego), dosa (aversão, ódio) e moha (ignorância, cegueira).

Por ignorância, atribuímos ao mundo exterior uma qualidade de solidez, e assim, acreditamos poder possuí-lo. Isto nos leva a sentir desejo, pois passamos a crer que poderíamos desejar algo e obtê-lo sob nosso domínio. Quando percebemos que tudo não é permanente e que nada é possível de ser possuído, sentimos aversão. 

Sofrer significa a insatisfação com as experiências com as quais vivemos. Quando compreendemos que nossas expectativas estão baseadas em carências insaciáveis, começamos a entender como entramos e saímos das tramas de nossos conflitos emocionais. Se o desejo e o apego forem extintos, o sofrimento deixa de fazer parte da vida.

Para se livrar das causas do sofrimento, é necessário um pouco de esforço. Para se alcançar a libertação do “eu”, deve-se trilhar o caminho do meio. 

A Cura Energética das Aversões ativa em nos a consciência do nobre caminho óctuplo. Esse caminho óctuplo compreende oito verdades: compreensão correta, pensamento correto, fala correta, ação correta, modo de vida correto, esforço correto, atenção plena correta e concentração correta, nos dando bases para mantermos uma inabalável determinação. O esforço para não desanimar tem que ser constante, pois costumamos desistir quando algo se mostra além de nossas possibilidades imediatas e a Cura Energética das Aversões libera as distorções que geram a desistência da sustentação da ação correta. 

Cura Energética da Culpa 

Se falamos de culpa, devemos primeiro entender dois aspectos muito interessantes. Para começar, estamos diante de uma emoção fundamental no comportamento do ser humano. Embora a associemos a realidades internas de linha bastante negativa , na realidade essa emoção nos ajuda a regular nosso comportamento social.

O peso da culpa nos encoraja a corrigir comportamentos e encoraja as pessoas a se comportarem corretamente. Desta forma, evitamos o sofrimento do peso que muitas vezes pode permanecer toda uma vida em nosso cérebro. Por outro lado, e isso, sem dúvida, muitos terão experimentado, estamos diante de uma das emoções mais difíceis de gerenciar.

A Cura Energética da Culpa regula as funções do córtex orbitofrontal lateral etérico propiciando o equilíbrio da nossa realidade psicobiológica nos ajudando a compreender que tudo o que fazemos de mal a nós mesmos e aos outros tem origem em confusões e ignorância profundamente enraizadas. Durante a Cura Energética da Culpa , é ativada , através do acoplamento do campo de energia informado , a consciência de que essa noção de um “lado mau” vem da não compreensão de que não existe um “eu” sólido, singular ou permanente , tornando possível acolhermos o que quer que surja na vida sem nos sentirmos tão intimidados pela nossa experiência, sem nos rendermos como um cão derrotado em uma briga. Podemos perceber que as coisas surgem devido ao nosso carma que se desdobra, e isso não tem necessariamente que ser algo tão pessoal. Assim, podemos nos identificar com algo maior – que é a nossa própria natureza. Dessa perspectiva, como não existe um eu sólido, singular, permanente, não há um eu “do mal” pelo qual sentir culpa. A mente é inocente, mas é influenciada pela ignorância e por crenças conceituais equivocadas que projetam um eu. Mas não existe um eu.

Cura Energética do Medo 

Chamamos de medo a sensação de angústia que experimentamos diante de uma situação de perigo ou ameaça, seja ela real ou imaginária. No cérebro, o medo é o resultado da ativação de um sistema de alarme adaptativo diante do perigo, que leva a mudanças fisiológicas, comportamentais e cognitivas que nos ajudam a sobreviver. 

Embora o medo surja naturalmente, grande parte dos nossos medos surgem por aprendizado. É o que chamam de condicionamento do medo. A cura Energética do Medo atua liberando esses condicionamentos que geram o emparelhamento repetitivo , padrão de comportamento não adaptativo. 

A Cura Energética do Medo limpa áreas dos nossos registros subconscientes. Lidar com o medo é um trabalho interior que gira em torno da percepção. Na verdade, o medo é erro perceptivo, que se traduz em imagens fantásticas e horríveis que acabam tomando conta de nossas mentes. 

Durante a Cura Energética do Medo vamos liberando esses erros perceptivos. 

O perigo não está fora, mas dentro de nós. Da mesma forma, que o medo encontra um território mais fértil naqueles que têm um coração sem amor. O ressentimento, a inveja, são formas prejudiciais de nos relacionarmos com os outros. Formas que contêm uma faísca de combate, e todo mundo que está em guerra deve temer. Para lidar com o medo, você também precisa saber como lidar com a dor. Ele perde muita força quando o aceitamos e o deixamos ser, e ainda mais quando procuramos e encontramos o aprendizado que nos traz. De um modo ou de outro, o medo se articula com o passado ou com o futuro. Com o passado, quando permanecemos presos a experiências que nos causaram medo e deixaram uma marca profunda que continuamos a evitar. Existe o medo de que a mesma coisa nos aconteça novamente. Algo semelhante acontece com o futuro. Às vezes nos assusta porque imaginamos ou supomos que trará consigo dificuldades ou situações dolorosas. Nos sentimos pequenos diante do amanhã e isso nos assusta.

Uma das formas de lidar com o medo é nos localizar no presente, no aqui e agora. Compreender que nada nos pertence, nem mesmo a nossa própria vida. Tudo o que entra em nossa vida e, de fato, tudo o que somos, é apenas uma realidade transitória.

Quando isso não é compreendido, surge o apego e, com isso, o medo da perda. É um dos medos mais fortes porque se torna um círculo vicioso. Quanto mais apego, mais medo; e quanto mais medo, mais apego. Deixar fluir e aceitar que tudo é transitório nos torna menos temerosos.

Cada um de nós é seu próprio professor e a razão para os nossos erros é aprender. Quando as coisas não são assumidas dessa maneira, o espírito começa a se encher de medos e ansiedades. É como se houvesse uma dívida pendente que nos pressiona. Quando se deixa passar um erro e não se aprende com ele, a situação que deu origem a esse erro tende a se repetir. É então que se experimenta um tipo de descontrole sobre sua própria vida. Isso, evidentemente, faz com que aflorem os medos. Todos esses princípios para lidar com o medo são exercícios propostos durante a Cura Energética do Medo . É preciso praticá-los pacientemente e continuamente. Em grande medida, colidem com muitos padrões e é por isso que não são fáceis de assimilar. No entanto, se estamos em uma condição de medo frequente, pode ser bom analisá-los com cuidado com a ajuda e o direcionamento durante a Cura Energética do Medo.

Cura Energética da Maldade

Fazer o bem é tratar a vida como um fim e não como um meio. Fazer o bem é expandir o estado de vida, ao passo que fazer o mal é tratar as pessoas como coisa, agir por sentimentalismo e com isso desagregar, manipular, separar. 

A raiva, por exemplo, refere-se ao bem ou ao mal? Depende. A ira dirigida contra o mal é o bem. A ira que surge do egoísmo é o mal. A ira por si só não pode ser chamada de bem ou de mal. O bem e o mal são relativos”. O mais importante é que essa “batalha” do bem contra o mal, aconteça no seu coração através da consciência que é ativada durante a Cura Energética da Maldade que nos ensina  a ter uma vida totalmente ativa contra o mal, ou seja, a cada momento é preciso reagir e discernir o bem do mal e travar uma batalha no seu íntimo para não permitir ser influenciado pela negatividade da vida.

Cura Energética do Julgamento/Punição

Cura Energética da vítima/algoz 

A ferida aberta às vezes forma um abismo tomado pelo ressentimento, pela raiva e pela vulnerabilidade. Esse sentimento é vivenciado por algumas pessoas que foram vítimas de abusos, abandono ou maus-tratos.

A marca dessas experiências e a incapacidade de curá-las muitas vezes faz com que projetem esse profundo desconforto nos outros, mostrando comportamentos desadaptativos.

Na Cura Energética da vítima / algoz é feita a liberação da tensão gerada através do entendimento das tendências vibracionais que carregamos para as experiências. 

Todos lidam com a dor à sua maneira, com maior ou menor habilidade. No entanto, existem aqueles que fazem isso da pior maneira possível: agressivamente. A razão? Existem perfis nos quais vários fatores determinantes são combinados.

Por um lado, há a gravidade do trauma experimentado; por outro, os recursos sociais e de apoio disponíveis para a pessoa, assim como determinados fatores biológicos e até genéticos.

Agora, o mais decisivo é, sem dúvida, o fator da personalidade. Sabemos, por exemplo, que certas pessoas caracterizadas por um narcisismo reativo usam a sua dor como arma.

A sua identificação como vítima, e o peso de um passado de abusos, muitas vezes e quase involuntariamente os transforma em algozes camuflados. São pessoas que não conseguem controlar o impulso de retaliação e projetam a sua raiva em relação aos outros de diferentes maneiras.

O conceito de “vítima” é discutido com muita frequência. Algo que devemos entender, em primeiro lugar, é que nem todos lidam com os traumas da mesma maneira.

Há pessoas que, graças aos seus recursos psicológicos ou ao apoio que receberam, enfrentam com efetividade um acontecimento dramático. Dessa forma, se desligam em pouco tempo da sua identidade de vítimas.

Outras pessoas, por outro lado, carregam esse dano durante muito tempo, essa ferida aberta que, de alguma forma, deixa muitas sequelas.

A Cura Energética da vítima / algoz ajuda a 

reduzir a ansiedade e o medo para administrar melhor as situações ameaçadoras.Liberando as causas que nos impede de ter controle da raiva , da tristeza, da série de imagens mentais que não conseguimos apagar.

Cura Energética das Crenças/Condicionamentos Sociais

Ingressos
Preço
Qtd
Total
  • Pacote Combo
    R$540
    + taxa de serviço de R$13.50
    R$540
    + taxa de serviço de R$13.50
    0
    R$0
TotalR$0

Compartilhe esse evento